Notícias

+Acesso para Todos

Colocarmo-nos no lugar do outro foi o desafio proposto por César Coelho, representante da Associação Salvador, no périplo realizado, em Valbom, e que se insere no âmbito do projeto “+Acesso para Todos – Por comunidades +inclusivas” cujo objetivo passa por sensibilizar a sociedade para a urgência de olhar com mais atenção para as questões da acessibilidade e da inclusão. O estacionamento, o acesso aos edifícios, a circulação dentro dos mesmos e as casas de banho adaptadas são assuntos com os quais as pessoas com deficiência ou mobilidade reduzida se têm de confrontar diariamente, após sairem das suas casas e para as quais a sociedade ainda não está preparada para dar respostas.

De acordo com César Coelho, "sou autónomo na minha vida pessoal e profissional, mas também quero sê-lo no espaço público e privado sem que tenha de depender da ajuda de terceiros", acrescentando que "o facto de termos trazido uma cadeira de rodas foi precisamente para convidar todos aqueles que aqui estão a experimentarem circular sentados numa cadeira de rodas, o que lhes permitirá compreender as dificuldades e os obstáculos com os quais nos confrontamos no dia-a-dia". Cláudia Vieira, vereadora da Câmara Municipal de Gondomar, foi a primeira pessoa a partilhar a experiência, tendo afirmado que a autarquia "abraçou o projeto, porque temos consciência de que ainda há um longo caminho a percorrer em termos de acessibilidades, contudo o primeiro passo está dado ao reconhecermos que há problemas e fragilidades que têm de ser trabalhadas". Também António Braz, presidente da União das Freguesias, subscreve que o "paradigma da mobilidade está a mudar e que se torna urgente pensar nestas questões com maior empenho e com mais campanhas de sensibilização junto das populações".

O projeto contempla ainda uma aplicação “+Acesso para Todos”, através da qual estão a ser mapeados os locais com acessibilidades que auxiliam na inclusão, tendo ainda uma área que permite que sejam realizadas reclamações relativamente a espaços públicos ou privados. Segundo a associação, "a app vai facilitar o envio de reclamações sobre as situações que não cumpram os requisitos legais de acessibilidade e mobilidade em espaços públicos e privados. Todas as reclamações serão enviadas de forma imediata e automática para o Instituto Nacional para a Reabilitação e as respetivas Câmaras Municipais". De referir que o Município de Gondomar é um dos 15 municípios que assumiram o papel de investidor no projeto “+Acesso para Todos – Por Comunidades Mais Inclusivas”, promovido pela Associação Salvador, mas que se alarga a comerciantes, empresas e cidadãos comuns.

     Salvador     Salvador1

 

     Salvador2     Salvador3

Gondomar

Rua da Igreja 71  
4420-164 Gondomar
geral@uf-gvj.pt
Telefone: 224 833 552

Valbom

Rua Dr. Joaquim Manuel da Costa, 477
4420-435 Valbom
geral@uf-gvj.pt
Telefone: 224 648 760

 

Jovim

Rua Manuel Pinto Martins
4510-084 Jovim
geral@uf-gvj.pt
Telefone: 224 509 703