Notícias

Orfeão de Gondomar – a cantar desde 1917

 

 

Foi fundado em 10 de janeiro de 1917, com a formação de um Coral Misto, e pouco tempo depois uma Orquestra Ligeira, com atuações em conjunto ou separadamente, tendo sido o seu primeiro maestro o reverendo Padre Augusto Guilherme da Silva Maia.

Além de Bandeira, o Orfeão de Gondomar tem hino próprio, composto por José Martins de Moura (música), maestro que sucedeu ao padre Augusto Maia e pelo conselheiro José Barbosa Ramos (letra). É lema do Hino “Cantar por Gondomar”.

Em dezembro de 1997, a coletividade foi agraciada pela Câmara Municipal de Gondomar com a “Medalha de Mérito do Município” – Grau Ouro.

Ao longo da sua existência e vastíssima atividade, registaram-se participações em diversos Encontros de Coros e Saraus Culturais por todo o país, Espanha e República Checa.

Destaque especial para os concertos corais e saraus que o Orfeão de Gondomar promove anualmente, nas comemorações do seu aniversário, concertos de Páscoa, de Natal e Reis.

O intercâmbio cultural com os corais de Espanha, Província da Galiza, teve o seu início em setembro de 1992, com a Coral Polifónica de Betanzos, tendo-se mantido anualmente e de forma regular com diferentes corais da mesma região galega.

Em agosto de 1995 deslocou-se aos Açores, às Ilhas de S. Miguel, Faial, Pico e Terceira, num programa enquadrado nas festas da “Praia 95”. Nesta última ilha animou, na Igreja Matriz da Praia da Vitória, a Missa Solene do Divino Espírito Santo e participou num sarau, a convite do Orfeão local.

Em 1998, o coral do Orfeão de Gondomar gravou o seu primeiro CD a solo, e atuou, na RTP, no programa “Praça da Alegria” dos estúdios do Porto. No âmbito da solidariedade social, área à qual é muito sensível, destacam-se vários eventos promovidos em prol de diversas causas

No dia 1 de outubro de 2005, o Orfeão de Gondomar abrilhantou a inauguração da Biblioteca Municipal, sendo que em Abril de 2007 levou a efeito, na Igreja Matriz da Foz do Sousa, pela primeira vez, um concerto de Páscoa.

Em 2008 deslocou-se a Espanha (Tudela del Duero Valladolid), onde realizou um concerto.

De salientar, ainda a deslocação a Praga-República Checa, em Novembro de 2009.

O seu repertório é constituído por música de vários estilos, de carácter profano e religioso, cantada em português e noutras línguas.

O Orfeão de Gondomar tem sede própria, onde se praticam várias atividades no âmbito da música: para além do Coral Polifónico, possuiu um Coral Infantil e Juvenil, o Grupo de Cantares Tradicionais e ainda são ministradas aulas de piano e guitarra portuguesa.

Noutras áreas destacam-se as atividades de dança, aerostep e circuito, zumba, body jump, ginástica sénior e karaté.

O Coral Polifónico do Orfeão de Gondomar é dirigido por Ivo André Costa Nogueira desde Janeiro de 2020.

CANTO DOURO   KARATÉ 2   BILHAR 21686256 1962691557277230 7003543744742727883 n

Gondomar

Rua da Igreja 71  
4420-164 Gondomar
geral@uf-gvj.pt
Telefone: 224 833 552

Valbom

Rua Dr. Joaquim Manuel da Costa, 477
4420-435 Valbom
geral@uf-gvj.pt

Telefone: 224 648 760

 

Jovim

Rua Manuel Pinto Martins
4510-084 Jovim
geral@uf-gvj.pt
Telefone: 224 509 703